Com o centenário da Paróquia 

inaugura-se a iluminação e abre-se o tempo das Festas.

A programada "Feira Medieval" não se realizará, 

porque o responsável da empresa, por razões de saúde,

se mostrou indisponível para a sua realização,

em tempo que não nos tornou viável uma alternativa.

Pelo que o programa foi reajustado, segundo o cartaz afiixado.

Desejamos que este seja sempre um tempo de salutar convívio

e de alegria cristã, entre todos os que fazem a Festa connosco.

A todos, Boas Festas de Nossa Senhora da Hora.

Está prevista, às 15h00, do dia 25 de abril,

dia do centenário da paróquia,

a realização do Musical “Maria, Estrela Maior”,

levado à cena, pelo Grupo de Teatro MacPriemo.

Nos dias 25, 28, 29 de abril e 1 de maio,

estará patente ao público, uma Exposição

sobre a História da Paróquia,

A Missa solene, no dia 25 abril,

presidida pelo Bispo do Porto, será às 18h00.

Para a semana das Vocações,

anexamos subsídios pastorais (clicar na imagem)

e deixamos aqui a oração que somos convidados a fazer com insistência:

"Jesus Cristo, amor do Pai, que nos chamas, hoje,

a escutar a voz do Espírito Santo, na experiência quotidiana;

ensina-nos a discernir a própria vocação,

fruto da graça do baptismo, para vivermos o dom da fé,

imensamente amados por Deus,

e responder com confiança ao chamamento,

para servir a alegria do evangelho,

como a jovem Maria, Tua e nossa mãe. Amén".

É uma proposta ambiciosa. Mas única.

Depois de vários itinerários já percorridos

chegou a vez de ir um pouco mais longe.

Podem inscrever-se todos os interessados

independemente da sua proveniência geográfica.

A data anunciada será mudada para 3 a 11 de agosto.

Veja o programa e diga qualquer coisa.

 

O amor não é inconveniente. O amor é amável (1 Cor 13,5).

Sou simpático(a) e afável para com todos?

Ou sou rude, inconveniente e duro(a) no trato com os outros?

Pelas vezes em que não fomos capazes de assumir as alegrias e tristezas dos outros, Senhor, tende piedade de nós.

Pelas vezes em que não fomos capazes de incentivar, fortalecer e consolar os irmãos, Cristo, tende piedade de nós.

Pelas vezes em que usámos palavras ásperas que feriram e desanimaram os irmãos, Senhor, tende piedade de nós.

Pág. 1 de 5
Top
Usamos cookies para garantir uma melhor navegação no site. Ao continuar a utilizar este site, está a dar o seu consentimento. Mais detalhes…